Algoritimos, Internet e fugir.

Navegar pela internet é um exercício no qual se tornou rotineiro, como em nossas vidas, as vezes não olhamos o que nos margeia, esquecemos de desbravar uma nova rota, sempre percorremos os mesmos caminho dela como redes sociais, grandes portais de notícias e um Spotify de fundo alimentando nosso cotidiano.

Estamos afastados até dos desktops e notebooks, sempre estamos em nosso mundo portátil de iOS e Androids, com aplicativos específicos para cada ação, limitando o que vamos fazer, afinal se o aplicativo não realiza a tarefa, e algo impossível de ser realizado.

Os algoritmos pensam por nos, através de procuras mais precisas, gostos refinados, propaganda especifica e afins.

 

Captura de Tela 2016-05-06 às 11.31.11

cena de wall, um futuro proximo?

 

Tentar buscar o novo na internet e algo difícil de ser realizado, para isto sempre uso navegação privada do Safari, outros navegadores tem a mesma opção, no qual não é salva, posição geográfica, cookies não são salvos e minhas informações são um pouco guardadas em segredo, como se houvesse isto na internet.

Esquecemos de clicar e clicar muito, como se iniciássemos uma pesquisa sobre tipos de vinho e terminássemos lendo sobre a constelação de orion., perder tempo com isto nos agrega não só cultura, mas nos leva algo novo as vezes conseguimos descobrir um novo lugar para se passar o final de semana, um restaurante novo como novos sabores, uma cachoeira perto da sua casa, estes clicks fora da linha de raciocínio dos algoritmos pode nos levar a descobrir o que a tempo esquecemos de ver e assim reaprender a usar a internet ao nosso favor.

Captura de Tela 2016-05-06 às 11.43.14

Capitolio – MG, as vezes o paraíso esta mais proximo do que imaginamos.

 

 

David Paulino Silva

David Paulino Silva publicitário e cozinheiro, fundador do conteúdo aleatório,além de ser campineiro e ponte pretano, fundador do fotográfico http://www.instagram.com/relatopb, amante de arte, fotografia, cerveja e boa comida.

Um comentário aleatório